domingo, 14 de outubro de 2007

O Inimigo Está Entre Nós

Se o paganismo entrasse em nossos templos dançando , vestido com toda a plumagem e pintado com todas as cores da religião anti bíblica que é , seria prontamente rejeitado pelos crentes
. Quando , porém , aparece vestido com um terno elegante , um colete clerical ou uma batina , e é apresentado à congregação como a mais recente inovação em teologia , psicologia , medicina , ou a mais nova fórmula de sucesso no mundo dos negócios , ou técnica de auto-aperfeiçoamento para desenvolver o potencial humano , sua feitiçaria sedutora á amistosamente recebida como amiga e sustentadora do cristianismo . 01



APOLOGÉTICA E POLÊMICA

Enquanto a apologia era a defesa contra os ataques externos à fé cristã , a polêmica era uma defesa em prol da pureza da fé contra os desvios que estavam acontecendo dentro da própria igreja .
Estabelece-se este duplo entendimento em como defender a fé : a apologética , que é a defesa racional e utiliza-se da argumentação filosófica e especulativa da mente humana . Do outro lado temos a Evidência Cristã [ou Polêmica] , cuja defesa e raciocínio fundamenta-se nas Escrituras , nas provas internas da Bíblia . A primeira é direcionada aqueles que não aceitam a revelação de Deus ao homem , que não crêem . A outra é voltada aos que aceitam a revelação , mas fazem uma interpretação errada da mesma , caindo em heresias .
Todo cristão tem um compromisso com a defesa e divulgação da verdade . 02

UMA NOVA GERAÇÃO SURGIRÁ NATURALMENTE ?

Sob a alegação de que “Uma nova geração surgirá naturalmente” , renovando assim a forma de pensar dos líderes antiquados , os legalistas além de assumirem sua covardia e comodismo (deixa como está pra ver como é que fica) , revelam também sua insensatez em acreditar que surgirão líderes mais elucidados , já que o que fazem hoje é “emburrecer” a geração dos futuros líderes , influenciando-os com suas doutrinas de Homens ,
Se de alguma forma um destes futuros líderes conseguir resistir a esta influência e ousar varrer essas doutrinas de Homens , encontrará muita resistência por parte de seus liderados que também fazem parte desta geração cauterizada por tais doutrinas , e será rejeitado por não falar o que a igreja quer ouvir .

Charles Colson escreveu : “Já falei sobre os ataques frontais e sobre os ataques sutis . Há algo ainda pior ... O inimigo está entre nós . Ele se infiltrou de tal modo em nossas linhas que muitos simplesmente já não conseguem distinguir entre o amigo e o inimigo , entre a verdade e a heresia . Muitos líderes cristãos preferem a comodidade da omissão , o que reflete uma falta de percepção , ou pura ingenuidade ; reflete também uma falta de disposição em admitir seu próprio envolvimento . Qualquer erro , ou combinação verdade-erro , exige ser imediatamente exposta e repudiada . Ser negligente neste dever significa ser infiel a Deus e à Sua palavra , e ser um traidor das almas em perigo pelas quais Cristo morreu .” 03

HERANÇA CATÓLICA

Se o Homem julga ser necessário fazer algum tipo de sacrifício para ser salvo , ele está negando o sacrifício feito por Jesus Cristo .Se uma Igreja tenta transformar pessoas através de seu regulamento interno , ela está negando o poder transformador que o Espírito Santo tem .

“Todos aqueles, pois, que são das obras da lei estão debaixo da maldição; porque está escrito: Maldito todo aquele que não permanecer em todas as coisas que estão escritas no livro da lei, para fazê-las. E é evidente que pela lei ninguém será justificado diante de Deus, porque o justo viverá da fé.” (Gl 3.10,11) . Com afirmações assim tão claras da Palavra , por que ainda estamos lutando com o legalismo após 2000 anos de história da Igreja ? Não é a lei de Deus que é maldição , mas o legalismo . 04

Mesmo após a reforma , continuamos lendo versículos como estes e achando que não é conosco . Assim como os que migraram do ocultismo para o evangelho trouxeram uma bagagem de tradições , que algumas igrejas evangélicas acabaram cristianizando , assim também muito importamos do catolicismo .
Herdamos do catolicismo , a maneira de reagir e enfrentar nossas crises , deixando para o tempo resolvê-las , nada assumindo de responsabilidade .
Esta é a bagagem trazida do catolicismo , assim como os católicos não tem base bíblica para suas tradições , o mesmo ocorre com os usos e costumes dos legalistas .
Como chamar de “doutrina bíblica” algo que não consta nem no credo da igreja , algo que muda de país para país , ou melhor , de bairro para bairro ?
Deus tem um Reino e não várias tribos .
É notório que todos idolatram santos mas os padres negam , todavia eles não conclamam os católicos a não fazê-lo . Estamos tomando a mesma postura ? Vejamos :

O QUE ELES DIZEM X O QUE ELES PRATICAM

Seguem abaixo palavras escritas por alguns líderes , cabe a você leitor avaliar se o que eles dizem é o que se pratica em suas congregações , principalmente naquelas mais periféricas .

"TEMPO DE MUDANÇAS
Alguns líderes resolveram determinar , por alta recreação aos seus fiéis , suas próprias leis e costumes , ou seja , determinam a questão do certo e errado , como se tal autoridade tivessem , esquecendo-se que a salvação é de Deus , e que é Sua Palavra que limita as condições para irmos aos Céus . É perigoso desprezar a autoridade da Palavra de Deus ! "
Palavras do Pr. José Wellington Bezerra da Costa , publicadas em Fev 2002 no Jornal Mensageiro da Paz , pg. 2

"A MAIOR AUTORIDADE É A PALAVRA DE DEUS
A NOSSA FÉ NÃO SE APOIA EM HOMENS OU INSTITUIÇÕES , MAS NA BÍBLIA SAGRADA
As Sagradas Escrituras são a nossa única regra de fé e prática . Não aceitamos o primado do papa nem temos líderes que sejam vistos como infalíveis e supremos . Pela Bíblia Sagrada , respeitamos as autoridades constituídas de Deus para sua Igreja , isto é , os pastores e todos aqueles que detêm alguma parcela de liderança na Casa do Senhor . Eles foram colocados por Deus para nossa orientação . Devemos nos submeter à sua autoridade , mas não numa relação de veneração . Não os vemos como se estivessem em um patamar exclusivo de liderança pouco abaixo de Deus . Isso é heresia . Cristo é a nossa Rocha . "
Palavras do Pr. Ezequias Soares , publicadas em Março de 2002 no Jornal Mensageiro da Paz , pg. 11

Será que eles apenas se preocupam em estar ...

POLITICAMENTE CORRETOS

Nosso crescimento cristão sempre estará inibido na medida em que encobrimos quem realmente somos . Isso se dá porque estamos nos permitindo preocupar-nos mais com como parecemos para as outras pessoas do que para Deus . 05

Tememos mais aos Homens ; receamos mais ofender uns aos outros que ofender ao Deus Todo-Poderoso ; receamos mais perder as recompensas que os Homens distribuem que perder nosso eterno galardão que somente Deus pode conceder .
06

Satanás sabe que as pessoas nem sempre vivem de acordo com o que professam , mas pelo que escolhem crer em seus corações .
Assim , satanás prejudica mais em sua pele de cordeiro do que rugindo como um leão .
Para os propósitos do diabo , um cristão orgulhoso é muito mais útil do que um ateu ou pagão .
07

AUTO ENGANO

Algumas pessoas admitem abertamente sua recusa de se submeterem à correção de Deus ; muitas outras , todavia , encobrem sua rejeição da Palavra de Deus com a máscara piedosa do zelo e devoção religiosos . Como se enganados por sua própria hipocrisia , protestam sua inocência : “Mas , Senhor , fizemos tudo em teu nome !” Egoisticamente manipulam a interpretação da Bíblia para que esta se ajuste ao que eles querem que ela diga , e não àquilo que Deus queria que ela dissesse . Essa é uma tendência comum contra a qual devem guardar-se todos os que estudam a Bíblia .
Nunca tantos deram tanta honra a um livro , ao qual têm aparentemente tão pouca intenção genuína de obedecer .

Tão grande é a capacidade humana de auto-engano que podemos ficar cegos para nossa própria falta de sinceridade . A presunção muitas vezes passa por fé . 08

JULGAMENTO

“Não julgueis, para que não sejais julgados.” (Mt 7.1) . Do contexto e do restante das Escrituras parece claro que Cristo nos estava advertindo a não julgarmos ou atribuirmos motivos a outras pessoas , pois eles nos são ocultos . Devemos aplicar a interpretação mais razoável possível ao que outros dizem , sem julgar seus corações , coisa que só Deus é capaz de fazer . Devemos , no entanto , julgar doutrinas e ações .
09

Não se podem julgar corações , motivações e ministérios , apenas doutrinas , e existem graus variados de erro . A Bíblia não deve ser apresentada num vácuo , mas como um antídoto tanto contra a sedução da sociedade secular quanto contra as falsas doutrinas que penetram na Igreja . Boa parte da Bíblia foi escrita com esse propósito . Assim , para sermos fiéis à Palavra de Deus , precisa haver alguma denúncia do erro . Nosso foco será sempre um retorno ao cristianismo bíblico .
10

Somente Deus pode julgar os corações dos Homens , e devemos deixar esta tarefa para Ele . É responsabilidade de todo crente , todavia , julgar os ensinos e os frutos e aceitar e seguir somente aquilo que está claramente de acordo com a Palavra de Deus . Isto vale inclusive para todas as palavras aqui escritas .
11

Quando questionar honestamente se algo é genuinamente de Deus é condenado como “ser negativo” e rotulado como incredulidade , a Igreja está aberta a todo tipo de engano .
12

Numerosas passagens da Escritura , entre elas : “E falem dois ou três profetas, e os outros julguem.” (1Co 14.29) , afirmam que os profetas devem ser julgados . Doutra forma , a Igreja seria apenas uma seita do tipo siga-sempre-o-líder . Todos os crentes deveriam ser “Bereanos” (At 17.11) que “diariamente examinavam as Escrituras” para sua própria edificação e para evitar desvios causados por falsas doutrinas. Se até mesmo o ensino do apóstolo Paulo precisava ser julgado desse modo , também o ensino de qualquer profeta ou líder eclesiástico atual deve sê-lo , não importa quem ele seja . Os que não fazem isso não poderão alegar inocência por terem abraçado doutrina falsa , mas serão considerados responsáveis por isso diante de Deus . 13

O objetivo principal não é criticar mas prover um pouco de discernimento bíblico ao povo de Deus , num momento da nossa história em que o espaço para a verdade da Palavra de Deus começa a ficar cada vez mais reduzido , até mesmo no arraial dos santos .
14

Embora desagrade a muitos , os erros devem ser denunciados e a verdade da Palavra de Deus proclamada com amor e obediência sem distorções .
15

Alguém já disse , com sabedoria , que o poder odeia a crítica , e isto é verdade também no meio evangélico . Por mais que o vaso seja usado ele continua sendo de barro .
16

Que Deus nos guarde e nos dê discernimento para filtrar o que é do Homem , rejeitar tudo o que é do inimigo e abraçar com amor e humildade tudo o que é do Espírito de Deus .
17

Dr. Walter Martin , disse certa vez : “Controvérsia apenas por amor à controvérsia é pecado . Controvérsia por amor à verdade é um mandamento bíblico.” 18

Todos continuamente perguntamos “Quem está com a razão ?” , quando deveríamos na verdade perguntar : “O que é verdadeiro ?” . Para os cristãos , a verdade não é um conceito abstrato , mas uma pessoa , Jesus Cristo . Essa pessoa pode ser conhecida - e há um preço e também uma recompensa para quem conhece e segue a Verdade . 19

FÉ E RAZÃO

Tanto crentes quanto descrentes geralmente consideram a razão uma inimiga da fé , quando de fato são íntimas companheiras .
20

A liberdade de pensarmos por nós mesmos , de pesarmos toda a evidência cuidadosamente , de tomarmos nossas próprias decisões sem sermos pressionados é essencial para a fé genuína . Uma das marcas características das seitas é a negação de tal liberdade por meio de vários truques de persuasão , de modo que , eventualmente , o adepto da seita abra mão de sua autonomia a ponto do “guru” ou “profeta” acabar pensando por ele . 21

COMPROMISSO

Cada um de nós precisa conhecer individual e pessoalmente a Deus e a Sua Palavra . Nossa fé é em Deus e Sua Palavra , não em um especialista que estuda , vive e interpreta tudo para nós . É claro que há pessoas capacitadas para ensinar , e que devemos “obedecer àqueles que nos lideram” , mas somente na medida em que eles se submetem à direção do Espírito Santo , ensinam e seguem a Palavra de Deus .
Cada um de nós é individualmente responsável por julgar se o que nos é ensinado é bíblico . Não devemos crer em qualquer coisa , ou seguir qualquer coisa que nossa consciência , pela direção do Espírito Santo , indique não estar de acordo com a Palavra de Deus . Devemos obedecer a Deus por meio de Homens , mas não aos Homens que não falam nem vivem verdadeiramente para Deus .
“Mas, se alguém não obedecer à nossa palavra por esta carta, notai o tal, e não vos mistureis com ele, para que se envergonhe.” (2Ts 3.14)
“Porém, respondendo Pedro e os apóstolos, disseram: Mais importa obedecer a Deus do que aos homens.” (At 5.29)
“Sede meus imitadores, como também eu de Cristo.” (1Co 11.1)
“E a unção que vós recebestes dele, fica em vós, e não tendes necessidade de que alguém vos ensine; mas, como a sua unção vos ensina todas as coisas, e é verdadeira, e não é mentira, como ela vos ensinou, assim nele permanecereis.” (1Jo 2.27)
“Se alguém cuida ser profeta, ou espiritual, reconheça que as coisas que vos escrevo são mandamentos do Senhor.” (1Co 14.37) 22

Como podemos saber se alguém (o que inclui a mim) está falando de acordo com a Palavra de Deus se não conhecemos suficientemente a Bíblia por nós mesmos ?
23

Não devemos seguir líderes cristãos a não ser na medida em que eles estejam seguindo a Cristo . Isso significa que cada um de nós tem que conhecer a Bíblia por si , e segui-la por si , lutando , sem jamais ceder , pela fé que foi entregue a nós , os santos , para proclamar e viver.24

Quando houver uma contradição entre o ensino humano e a Bíblia , não temos escolha senão seguir a segura Palavra de Deus .
25

Muitas pessoas , por não terem alicerce bíblico ou filtro teológico , têm sido enganadas , passando a viver em escravidão espiritual . 26

A fé consiste não em ignorância , mas em conhecimento . Estar pronto a abraçar todas as normas da Igreja como verdadeiras não é o meio de se obter salvação .
Há provavelmente mais pessoas do que se imagina , no seio da maioria das grandes igrejas , que foram persuadidas a concordarem com algo em que nunca realmente creram e que não têm a menor idéia de como se libertar da farsa que torna suas vidas tão infelizes .
Precisamos ser muito cuidadosos em não forçar falsas decisões sobre aqueles que ainda não entendem plenamente as questões da fé ou não estão prontos a assumir um compromisso genuíno . Jesus mesmo nos deu exemplo , desencorajando o mero entusiasmo ou profissão de fé superficial pela maneira com que reagiu a algumas pessoas que pareciam estar muito ansiosas para segui-lo .
“E perguntou-lhe um certo príncipe, dizendo: Bom Mestre, que hei de fazer para herdar a vida eterna? Jesus lhe disse: Por que me chamas bom? Ninguém há bom, senão um, que é Deus. Sabes os mandamentos: Não adulterarás, não matarás, não furtarás, não dirás falso testemunho, honra a teu pai e a tua mãe. E disse ele: Todas essas coisas tenho observado desde a minha mocidade. E quando Jesus ouviu isto, disse-lhe: Ainda te falta uma coisa; vende tudo quanto tens, reparte-o pelos pobres, e terás um tesouro no céu; vem, e segue-me. Mas, ouvindo ele isto, ficou muito triste, porque era muito rico. E, vendo Jesus que ele ficara muito triste, disse: Quão dificilmente entrarão no reino de Deus os que têm riquezas! Porque é mais fácil entrar um camelo pelo fundo de uma agulha do que entrar um rico no reino de Deus.” (Lc 18.18-25)
“E aconteceu que, indo eles pelo caminho, lhe disse um: Senhor, seguir-te-ei para onde quer que fores. E disse-lhe Jesus: As raposas têm covis, e as aves do céu, ninhos, mas o Filho do homem não tem onde reclinar a cabeça. E disse a outro: Segue-me. Mas ele respondeu: Senhor, deixa que primeiro eu vá a enterrar meu pai. Mas Jesus lhe observou: Deixa aos mortos o enterrar os seus mortos; porém tu vai e anuncia o reino de Deus. Disse também outro: Senhor, eu te seguirei, mas deixa-me despedir primeiro dos que estão em minha casa.” (Lc 9.57-61)
Infelizmente , algumas pessoas frequentam a igreja por razões sociais ou familiares e professam algo em que realmente não crêem porque seria embaraçoso recuar . Outros o fazem porque são orgulhosos demais para admitir suas dúvidas quando todos os outros à sua volta parecem tão certos daquilo em que crêem . A incredulidade tem muitas faces , e frequentemente se esconde atrás da máscara de uma pretensa fé que começa a enganar até quem a usa .
27

Um dos maiores problemas da Igreja hoje em dia é a superficialidade . Muitas vezes negligenciamos verificar se aqueles que convocamos a “se decidir por Cristo” entendem plenamente a decisão que são chamados a fazer . Frequentemente criamos um clima emocional como meio de persuadir pessoas a tomar uma “decisão” . Não há nada de errado com a emoção que acompanha a realidade , mas precisamos cuidar para não encorajar compromissos com Cristo baseados apenas em emoção e não numa compreensão da verdade e compromisso com a verdade de quem Ele realmente é , do por que Ele veio , e do que Ele exige de nós . 28

O crescimento espiritual saudável depende do exercício constante do discernimento . O crente deve exercitar a sua consciência , os sentidos e a mente para saber a diferença entre a verdade e o erro , entre o uso correto e incorreto das Escrituras . Além disso , discernir não é uma opção , mas um mandamento bíblico : “Examinai tudo. Retende o bem.” (1Ts 5.21) 29

Nem todo crente é chamado para ser um erudito {Que tem instrução vasta e variada} da Bíblia , mas todo crente pode e deve estudar a Bíblia em profundidade e adquirir um entendimento adequado dos seus ensinos .
A melhor maneira de combater o falso , isto é , as heresias , é conhecer o original , isto é , a Palavra de Deus . 30

FÉ E RELIGIÃO

A história das religiões é um conto trágico de pessoas que são moral e espiritualmente cegas e surdas , mas que criam rituais e símbolos numa tentativa de “ver” a Deus e “ouvir” a Sua voz . 31

Ninguém era mais religioso que Paulo , “Mas o que para mim era ganho reputei-o perda por Cristo.” (Fp 3.7) , ele afirma que todas as suas boas obras nada mais eram que perda (literalmente , esterco) comparadas à verdadeira religião , a qual não se baseia em esforços humanos , mas apenas na obra de Cristo . 32

McCandlish Phillips disse : “Você pode ter religião ... sem sequer conhecer a Deus . Satanás não odeia religião ; na verdade , ele inventou a maioria delas .” 33

Paulo teve que escrever sua carta aos Gálatas . Eles haviam adotado a lei mosaica do Antigo Testamento como seu padrão de vida , e estavam assim tentando viver na dependência da carne . Em sua carta , Paulo adverte os Gálatas de que isso equivalia a tentar fazer por nossas próprias forças o que somente Deus pode fazer por meio do Espírito Santo . “Sois vós tão insensatos que, tendo começado pelo Espírito, acabeis agora pela carne?” (Gl 3.3) Qualquer um , até mesmo os descrentes , pode viver uma vida que superficialmente pareça estar em conformidade com os padrões de Deus . Sabemos , porém , com base nas Escrituras , que isso é feito na dependência da carne . 34

FÉ E EXPERIÊNCIA

O grito da reforma protestante de Sola Scriptura , Sola Gracia , Solo Cristus e Sola Fide foi uma convocação para a volta à Bíblia Sagrada como a única regra de fé e prática . Nenhuma experiência , sonho ou visão , pode estar acima do fundamento sólido da Palavra de Deus . 35

A doutrina deve sempre ter precedência sobre a experiência . Nem pode a experiência jamais oferecer base para a interpretação bíblica . Aquele que procura a verdade com sinceridade deve estar preparado para consertar sua interpretação a fim de trazê-la em conformidade com os fatos como eles são . 36

SANTIDADE

A santidade sempre se inicia no coração . Não começa com o exterior , mas no interior . Não se dá a partir de uma série de regras e normas , mas com um relacionamento de confiança e completa dedicação.37

O Ascetismo {abstinência voluntária , autoprivação e austeridade extrema} não é a mesma coisa que santidade , apesar de algumas formas de ascetismo poderem fazer parte da vida de uma pessoa santa .
Nem o Formalismo {no sentido de uma intensa conformidade em atos e palavras com os padrões que Deus estabeleceu} pode ser confundido com a santidade ainda que possamos assegurar que não há santidade sem essa conformidade .
Nem mesmo o Legalismo {a disposição de fazer coisas para alcançar o favor de Deus ou para incrementar esse favor} pode ser considerado santidade .
Santidade sempre é a resposta de gratidão do pecador salvo pela graça recebida .
Os fariseus da época de Jesus cometiam estes três erros , apesar de serem tidos como muitos santos até que Jesus lhes contasse a verdade sobre eles mesmos e a inadequação de sua suposta piedade . Depois de tudo isso , podemos afirmar com certeza que a santidade começa no coração . Quem gostaria de se espelhar nos fariseus ? 38

LIBERDADE

Cristo nos libertou para que sejamos de fato livres “Estai, pois, firmes na liberdade com que Cristo nos libertou, e não torneis a colocar-vos debaixo do jugo da servidão. Eis que eu, Paulo, vos digo que, se vos deixardes circuncidar, Cristo de nada vos aproveitará.” (Gl 5.1,2) “Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor.” (Gl 5.13)
Podemos escolher viver como se ainda estivéssemos debaixo da lei e nos privar da liberdade que Cristo comprou para nós na cruz . Podemos também ir para o outro extremo , a licenciosidade .
Tanto o legalismo quanto a licenciosidade levam à escravidão que só pode ser solucionada por meio do arrependimento e da fé em Deus .
A verdadeira liberdade não reside apenas no direito de se fazer escolhas . Ela vem ao fazermos escolhas responsáveis baseadas na verdade da Palavra de Deus , de forma que a liberdade que Cristo comprou para nós na cruz pode ser uma realidade viva .
Estamos verdadeiramente libertos em Cristo quando trilhamos a linha fina que separa o legalismo da licenciosidade . 39

“como livres e não tendo a liberdade por cobertura da malícia , mas como servos de Deus .” 1Pe 2.16

TIRANDO AS MÁSCARAS

Talvez você esteja farto de cristãos que parecem ter vindo de outro século , se não de outro planeta , gente que defende opiniões como se fossem verdades absolutas , sem ter a mínima idéia do que estão falando .
A implicância com aspectos exteriores sempre foi um modo cômodo de os cristãos driblarem as suas faltas íntimas .
Sem se fundar na razão - sem um “por quê?” - a moral transforma-se numa máscara , algo artificial aplicado à superfície . Pode convencer os observadores , mas nada revela sobre a verdadeira pessoa que esconde . 40

Os demônios também estão por trás dos falsos ensinamentos que afastam os crentes da verdade . Paulo escreveu : “Mas o Espírito expressamente diz que nos últimos tempos apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios;” (1Tm 4.1) Então ele acrescentou que esse ensinamento demoníaco vem por intermédio de mestres humanos . Semelhantemente , ele diz que aqueles que se opõem à verdade e estão envolvidos em falsos ensinamentos estão nos “laços do diabo” “Instruindo com mansidão os que resistem, a ver se porventura Deus lhes dará arrependimento para conhecerem a verdade, E tornarem a despertar, desprendendo-se dos laços do diabo, em que à vontade dele estão presos.” (2Tm 2.25,26)
É possível que Paulo achasse que os espíritos malignos estivessem por trás dos ensinamentos legalistas que mantêm as pessoas escravizadas . Ele advertiu :
“Tende cuidado, para que ninguém vos faça presa sua, por meio de filosofias e vãs sutilezas, segundo a tradição dos homens, segundo os rudimentos do mundo, e não segundo Cristo;” (Cl 2.8)
“Mas agora, conhecendo a Deus, ou, antes, sendo conhecidos por Deus, como tornais outra vez a esses rudimentos fracos e pobres, aos quais de novo quereis servir?” (Gl 4.9)
Pedro nos advertiu :
“E também houve entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá também falsos doutores, que introduzirão encobertamente heresias de perdição, e negarão o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina perdição.” (2Pe 2.1)
João disse que é nossa responsabilidade provar os espíritos :
“Amados, não creiais a todo o espírito, mas provai se os espíritos são de Deus, porque já muitos falsos profetas se têm levantado no mundo.” (1Jo 4.1)
Observe que não devemos provar os falsos profetas , mas antes provar os espíritos aos quais eles estão escravizados . Isso requer discernimento espiritual amadurecido “Porque tais falsos apóstolos são obreiros fraudulentos, transfigurando-se em apóstolos de Cristo.” (2Co 11.13) 41

01 A Sedução do Cristianismo pg. 36
02 Revista Resposta Fiel Ano 1 Nº1 pg. 8,9
03 A Sedução do Cristianismo pg. 11,12,22
04 Santificação pg. 232
05 Santificação pg. 354
06 Escapando da Sedução pg. 30
07 Santificação pg. 328 , 331 , 332
08 Escapando da Sedução pg. 16,17
09 Escapando da Sedução pg. 42
10 Escapando da Sedução pg. 12
11 A Sedução do Cristianismo pg. 9
12 A Sedução do Cristianismo pg. 83
13 A Sedução do Cristianismo pg. 263
14 Evangélicos em Crise pg. 13
15 Evangélicos em Crise pg. 32
16 Evangélicos em Crise pg. 40-62
17 Evangélicos em Crise pg. 83
18 Evangélicos em Crise pg. 208
19 Sete Mitos Sobre o Cristianismo pg. 97-164
20 A Sedução do Cristianismo pg. 93
21 A Sedução do Cristianismo pg. 94
22 Escapando da Sedução pg. 132
23 Escapando da Sedução pg. 134 , 135
24 Escapando da Sedução pg. 137
25 Triunfando na Batalha pg. 215
26 Evangélicos em Crise pg. 11
27 Escapando da Sedução pg. 95 - 96
28 Escapando da Sedução pg. 277
29 Evangélicos em Crise pg. 194
30 Evangélicos em Crise pg. 205 - 206
31 Escapando da Sedução pg. 212
32 Triunfando na Batalha pg. 84
33 Escapando da Sedução pg. 31
34 Triunfando na Batalha pg. 94
35 Evangélicos em Crise pg. 29
36 Evangélicos em Crise pg. 121
37 Vitória Sobre a Tentação pg. 18
38 Vitória Sobre a Tentação pg. 32
39 Santificação pg. 230 , 231
40 Sete Mitos Sobre o Cristianismo pg. 6 , 14 , 21
41 Santificação pg. 335


Compilado por : Orlando Paulo Correia Reimão

Um comentário:

marciaines disse...

Olá,achei seu comentário muito interessante , parabéns.